Policial & Dia a Dia

Mundo| Paralização do governo resulta na suspensão de atividades da NASA e salários atrasados.

Manaus| 16 de Janeiro de 2019 (Quarta-Feira)


Desde o dia 22 de Dezembro do ano passado a paralisação geral no governo americano tem prejudicados inúmeros ramos de empresas e comércios. Recentemente a agencia espacial Nasa informou em um de seus websites a seguinte mensagem;  “A NASA está atualmente fechada devido a um lapso no financiamento do governo”.

A paralisação é um protesto ao presidente americano Donald Trump que não abriu mão de construir o muro na fronteira com o México. Em menos de um mês ela é considerada a maior paralisação da historia dos EUA, tendo a estimativa de que pelo menos oitenta sites do governo estão sendo afetados, levando a ficarem fora do ar ou com funcionamento reduzido.

A parada nas atividades da NASA implica diretamente na construção do futuro telescópio espacial, Hubble, que está  em xeque, devido o defeito em sua câmera, conserto este que só será realizado quando a greve encerrar.

Mas esse não é o único problema que empresa espacial parece enfrentar, os empreiteiros contratados pela Nasa deveriam ter sido pagos no último dia 11 de Janeiro mas até o presente momento, o pagamento ainda não foi realizado, pois não houve liberação dos valores. Esses trabalhadores prestaram serviço de consertos em redes elétricas e verificam a segurança de novos lançamentos.

Cerca de sessenta desses trabalhadores se reuniram na última semana para debater sobre o assunto, a reunião foi feita na International Association of Machinists and Aerospace Workers Local 2061 (Associação Internacional de Operários e Trabalhadores Aeroespaciais), em Cabo Canaveral.  A maioria optou por antecipar as férias remuneradas para não ficar sem dinheiro até a retomada do trabalho, outra alternativa foi usar suas poupanças ou até mesmo realizar empréstimos.

A eventual situação resultará nas iniciativas da NASA, assim como os testes da cápsula Orion,que levará humanos até a Lua, e o desenvolvimento do foguete SLS, entre outros projetos.

Foto: Divulgação.

Redação Portal Pontual

Eric Barbosa

Eric Barbosa

Mestrado em Saúde Sociedade e Endemias na Amazônia na área de concentração de Epidemiologia de Agravos e Prevalentes na Amazônia pelo Instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/FIOCRUZ), Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e Universidade Federal do Pará (UFPA) (2013). Tem experiência em pesquisa na área de Epidemiologia, Saúde Coletiva com ênfase em Saúde Pública, Avaliação de Serviço em Saúde e Saúde Baseada em Evidências, desenvolvendo estudos nos temas: Tuberculose, Resistência aos fármacos, Tuberculose Multirresistente, Coinfecção TB/HIV.

Entre em contato

Para nós do Portal Pontual, sua opinião vale muito!

Publicidade