Conteúdo & Informação Manaus Municípios AM

Recursos Federais | Carlos Almeida alega que Governo busca cofinanciar projetos sociais realizados pelos municípios

Manaus | 21 de Fevereiro de 2019 (Quinta-feira)


O governador em exercício, Carlos Almeida, anunciou durante a abertura do 4º Encontro de Gestores Municipais do Sistema Único de Assistência Social (Suas), que o Governo do Amazonas deverá cofinanciar projetos sociais realizados pelos municípios do interior com recursos federais.

O evento ocorreu na última quarta-feira (20), no auditório João Bosco, na Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (ALE-AM). E teve como intuito, discutir e alinhar os procedimentos de trabalho dos profissionais de assistência social no estado.

Estavam presentes na ocasião, representantes de 53 municípios. Além disso, haverá outro encontro de gestores municipais do Suas nesta quinta- feira (21), com palestras, oficinas e mesas-redondas.

De acordo com Carlos Almeida, o recurso federal disponível atualmente, através do Suas, não é o suficiente para manter os programas básicos de acolhimento oferecidos nos municípios, por meio do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) e Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS). As unidades atuam principalmente com foco em pessoas em situações vulneráveis e de risco social.

O governador em exercício defendeu o fortalecimento da assistência social vista por ele como um dos pilares básicos de uma política de Estado, “A assistência social é um dos pontos mais importantes de qualquer política de estado. Até porque ela define quais são as necessidades reais e projeta as necessidades no futuro. Então, a implementação de programas de apoio à família, em especial moradia, e outras necessidades, devem ser tratadas principalmente com a Assistência Social”, afirmou.

A secretária de Estado de Assistência Social, Márcia Sahdo, informou que a sinalização do Governo do Estado em entrar com suplementação de recursos para o SUAS é de extrema importância. “Queremos que os serviços básicos de acolhimento sejam garantidos em todos os municípios do interior, e garantir também que não tenham descontinuidade”, afirmou.

Marcia também defendeu o fortalecimento do controle social atuando junto com o poder público. O assunto foi um dos temas discutidos no encontro. “O controle social é a participação tanto da gestão quanto da sociedade civil, na condução da própria política. Então, a participação de todos os segmentos, de usuários, segmento de entidades, de trabalhadores que atuam na área, são importantes para a construção de um melhor atendimento e melhor resposta para os problemas sociais”.

Foto: Claudio Heitor/Secom.

Fonte: Com informações da Assessoria.

Redação por Ana Flávia Oliveira.