Conteúdo & Informação Mundo Policial

Mundo | Mulher é condenada a um ano de prisão por retirar véu em público no Irã

Manaus | 15 de Abril de 2019 (Segunda-feira)


A mulher identificada como Vida Movahedi, foi condenada a um ano de prisão por realizar um protesto contra a lei que obriga as mulheres a se cobrirem em público em uma praça em Teerã, no Irã. A moça tirou o seu véu, chamado na região de “hijab”.

O véu é obrigatório no Irã desde o triunfo da Revolução Islâmica de 1979, que instaurou no país um regime teocrático que impôs uma série de restrições, como a segregação de gênero e a proibição do consumo de álcool.

O anuncio da sua prisão foi feito no último domingo (14), pelo seu advogado, Payam Derafshan.  Vida foi acusada de “fomentar a corrupção e a libertinagem”, e condenada por um tribunal de Teerã a um ano de prisão no dia 02 de março.

De acordo com o advogado, Vida estava apenas manifestando a sua oposição ao uso obrigatório do hijab e queria expressar sua opinião “em um protesto civil”. Ela já havia organizado protestos contra a lei. Em dezembro de 2017, foi multada após subir em uma caixa em uma avenida e levantar o véu.

Foto: Reprodução.

Redação por Portal Pontual.

Redação

Redação

Equipe séria e compromissada com a veracidade da informação, assim como os princípios éticos e legais na produção de matérias jornalísticas e estudos com base em pesquisas confiáveis e fidedignas.

Add Comentário

Clique aqui para postar um comentário