Brasil Conteúdo & Informação

Tragédia | Sobe para dez o número de mortos no desabamento de dois prédios no Rio de Janeiro

Manaus | 15 de Abril de 2019 (Segunda-feira)


O corpo de Bombeiros encontraram o corpo de uma mulher que ainda não foi identificada sob os escombros, no fim da noite do último domingo (14), o número de mortes em consequência do desabamento de dois prédios na comunidade da Muzema, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, aumenta para dez.

Segundo informações dos Bombeiros, a vítima estava em um local de difícil acesso e os militares levaram cerca de três horas para retirar o corpo dos destroços. Além disso, a estimativa é que 14 pessoas estejam desaparecidas.

As obras dos dois prédios que desabaram eram irregulares, sendo impedidas desde o mês de novembro do ano anterior, de acordo com informações da administração do prefeito Marcelo Crivella (PRB).

No entanto foi reconhecido através de uma nota divulgada pela Prefeitura que a comunidade da Muzema é uma área controlada por milícia, em grande parte, por ex-policiais militares, e devido a isso, as fiscalizações eram na maioria das vezes era impossibilitada de acontecer. Foi divulgado que os moradores pagavam cerca de 100 reais por mês à milícia para viver no condomínio.

No total, 18 pessoas foram resgatadas, sendo dez com vida, mas duas morreram no hospital. Agora, a operação ainda continua com a participação de mais de 100 militares, cães farejadores, drone, helicópteros, ambulâncias e veículos de recolhimento de corpos.

O trabalho, que entrou nesta segunda (15) no quarto dia, começou logo após o desabamento e segue ininterruptamente desde o início da manhã de sexta-feira (12).

Foto: Renee Rocha/ Agência O Globo.

Fonte: Agência Brasil.

Redação por Ana Flávia Oliveira.

/* ]]> */