Brasil Conteúdo & Informação Pesquisa & Publicações Política no Brasil Tecnologia

Bomba | Em nova conversa, Sergio Moro chama militantes do MBL que o defenderam de “tontos”, Confira

Manaus | 24 de Junho de 2019 (Segunda-feira)


Agora em parceria com o jornal Folha de S. Paulo, o site The Intercept Brasil realizou uma nova veiculação da troca de mensagens atribuídas ao na época, Juiz Federal, o ministro da Justiça Sergio Moro e ao procurador da República, Deltan Dallagnol, sobre a Operação Lava Jato.

A matéria foi divulgada na noite de ontem (23), e mostra que os membros da força-tarefa do Ministério Público Federal fizeram várias articulações para “escudar” Sergio Moro, no ano de 2016, para evitar possíveis problemas com o Supremo Tribunal Federal (STF).

De acordo com o The Intercept e a Folha de S. Paulo, os diálogos foram feitos em 23 de março de 2016, e destacam o conhecimento de Moro a uma lista de políticos ligados à Odebrecht, que havia se tornado pública, e conversou com Deltan sobre o caso.

Além disso, os trechos mostram que Moro chama os militantes do Movimento Brasil Livre (MBL) de “tontos” que haviam defendido o seu trabalho.

Confira as conversas:

Moro (13:06:32) – Coloquei sigilo 4 no processo, embora ja tenha sido publicizado. Tremenda bola nas costas da Pf. Nao vejo alternativa senao remeter o processo do santana [João, marqueteiro do PT] ao stf.

Moro (13:06:42) – E vai parecer afronta.

Dallagnol (13:47:56) – Falei com Pelella [Eduardo, assessor da Procuradoria-Geral da República] . Ele disse que se resolve com a remessa dos autos (ajustei mandar Odebrecht e disse que manteríamos Zwi [Skornicki, lobista] e Santana, com o que ele concordou e disse que cindirão e devolverão) e confidenciou que na próxima semana a pressão se transferirá para lá e esquecerão isso. Quanto à decisão de ontem*, ele disse que certamente as coisas se acalmarão.

*fazendo referência ao despacho do STF (Supremo Tribunal Federal) que repreendeu Moro por ter divulgado uma conversa entre o ex-presidente Lula e a então presidente Dilma Rousseff , ambos do PT.

Moro (22:36:04) – Nao.sei se vcs tem algum contato mas alguns tontos daquele movimento brasil livre foram fazer protesto na frente do condominio.do ministro. Isso nao ajuda evidentemente

Deltan (23:28:49) – Se quiser, vou atrás para ver se temos algum contato, mas, não sendo violento ou vandalizar, não acho que seja o caso de nos metermos nisso por um lado ou outro…

Deltan (23:49:32) – não, com o MBL não. Eles ficaram meio “bravos” com a gente, porque não quisemos apoiar as manifestações contra o governo no ano passado. eles são declaradamente pró-impeachment.

Moro (23:51:40) – Ok.

Foto: Reprodução/ Facebook.

Fonte: The Intercept em parceria com a Folha de S. Paulo.

Redação por Portal Pontual.