Brasil Conteúdo & Informação Policial

Intolerância Religiosa | Terreiro de candomblé é invadido e danificado por supostos criminosos, em Duque de Caxias

Manaus | 12 de Julho de 2019 (Sexta-feira)


Um terreiro de candomblé localizado em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, foi invadido e destruído na tarde da última quinta-feira (11). O registro foi feito pelo babalaô Ivanir dos Santos, da Comissão de Combate à Intolerância Religiosa (CCIR) , nas redes sociais.

O terreiro existe há anos na região, e segundo relatos de moradores próximos, o local é conhecido pela extrema generosidade e acolhimento de pessoas em situação crítica de vida, tendo como característica principal, a distribuição de cestas básicas.

Ivanir exigiu a investigação sobre caso para obter a informação dos possíveis criminosos e respostas ao poder público, além disso, em seu texto o homem retrata o desrespeito com a religião, “Pondero, mais uma vez, que a intolerância religiosa é uma questão social, política, religiosa e precisa ser debatida com toda a sociedade. A liberdade religiosa é um direito de todos e garantido constitucionalmente”, relatou.

De acordo com informações preliminares, os possíveis invasores que realizaram o estrago no local, foram apontados por alguns usuários nas redes sociais, como traficantes intitulados “bandidos de Jesus”.

As polícias Militar e Civil foram procuradas pelo site O Dia para esclarecimentos sobre as investigações do caso, porém “ainda não informaram se foram acionadas para o caso e nem se há uma investigação em andamento”.

Fotos: Reprodução/ Redes Sociais.

Fonte: O Dia.

Redação por Portal Pontual.