Policial & Dia a Dia

Brutalidade! | “Ele não parava de chorar!” – Padrasto mata menino de 4 anos a 20 golpes de faca, na Bahia

Manaus | 15 de Outubro de 2019 (Terça-feira)


O homem identificado como Edilton Araújo Andrade matou o próprio enteado, Miguel Martins Pita Costa, de 4 anos, a 20 golpes de faca. O caso aconteceu no último sábado (12), no apartamento da família, em Santo Antônio de Jesus, na Bahia e o motivo do crime é completamente inexplicável.

O padrasto tentou matar a companheira, mãe de Miguel, Manuela Silva Costa Martins, 29 anos, devido a uma suposta traição que a mulher cometeu e após o crime, ao ver o menino que estava completamente chocado com o que presenciou, esfaqueou a criança pois ela não parava de chorar.

Manuela resistiu aos ferimentos e atualmente está internada em um hospital em Salvador, o estado de saúde não foi divulgado. A mulher sofreu 8 perfurações.

De acordo com informações da policia, Edilton usou a arma do crime, uma faca de 18 cm para simular uma suposta tentativa de suicídio, perfurando em seu abdômen e se jogando da janela do apartamento.

“Com a chegada da Polícia Militar, ele aplicou um golpe de peixeira no próprio corpo e se jogou da janela do primeiro andar”, disse o delegado do caso, Adilson Bezerra, em entrevista ao Correio.

O homem é estudante de direito e agora ele permanece internado no Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus. E durante o seu depoimento para a polícia, o homem não demostra arrependimento.

Edilton foi preso em flagrante respondendo pelo crime de homicídio triplamente qualificado: motivo cruel, impossibilidade de defesa da vítima e motivo torpe e também irá responder por  tentativa de homicídio duplamente qualificada – por motivo fútil e impossibilidade de defesa da vítima por causa do do ataque à namorada.

Agora a polícia permanece investigando o caso.

Foto: Reprodução/ Redes sociais.

Fonte: Com informações de Correio/ O Dia.

Redação por Ana Flávia Oliveira.

Eric Barbosa

Eric Barbosa

Mestrado em Saúde Sociedade e Endemias na Amazônia na área de concentração de Epidemiologia de Agravos e Prevalentes na Amazônia pelo Instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/FIOCRUZ), Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e Universidade Federal do Pará (UFPA) (2013). Tem experiência em pesquisa na área de Epidemiologia, Saúde Coletiva com ênfase em Saúde Pública, Avaliação de Serviço em Saúde e Saúde Baseada em Evidências, desenvolvendo estudos nos temas: Tuberculose, Resistência aos fármacos, Tuberculose Multirresistente, Coinfecção TB/HIV.

Entre em contato

Para nós do Portal Pontual, sua opinião vale muito!

Publicidade