quarta-feira, maio 22, 2024
HomeAmazonasEnfermeira da FCecon cria guia de assistência aos indígenas em tratamento

Enfermeira da FCecon cria guia de assistência aos indígenas em tratamento

Publicado em

Artigo Relacionado

Márcia Perales lança livro sobre a democratização do ensino

A pesquisadora e escritora Márcia Perales Mendes Silva, diretora-presidente da Fundação de Amparo à...

Uma enfermeira da Fundação Centro de Controle de Oncologia do Estado do Amazonas (FCecon) criou um guia interativo para profissionais de enfermagem que prestam assistência aos indígenas com câncer no Amazonas.

Lorena Silveira atua como enfermeira assistencial há seis anos na FCecon e, ao perceber as dificuldades de contato com os  indígenas, propôs a criação do manual para os profissionais da saúde.

O guia nomeado “Cuidados à população indígena com câncer no contexto amazônico: um guia para a enfermagem” é fruto do mestrado profissional em Enfermagem da servidora no Programa de Pós-Graduação em Enfermagem no Contexto Amazônico, da Universidade Federal do Amazonas (Ufam), sob orientação do professor Zilmar Augusto, da Escola de Enfermagem.

Dentre as dificuldades observadas pela pesquisadora, estão as de comunicação, hábitos, costumes e os aspectos nutricionais diferentes, que se dão por um contexto histórico e cultural distintos.

Interação do guia

O guia é ilustrado de uma forma educativa com uma personagem fictícia chamada de Lacy. A personagem demonstra todo o percurso que o indígena percorre desde que sai de sua comunidade até chegar a um centro de tratamento.

Além disso, o manual é dividido em quatro eixos temáticos: educação, políticas, assistência e cuidado, e multidisciplinaridade.  Contém grafismos, toadas de boi que fazem link com as seções do guia e vídeos que aprofundam a temática dos povos tradicionais.

Ainda, como conteúdo do guia, há informações sobre a organização dos Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEIs); etnias mais populosas do Amazonas; os fatores de risco para o câncer nas populações indígenas; importância da ambientação hospitalar; ações e decisões do cuidado de enfermagem baseados na teoria transcultural; desafios enfrentados pelo indígena até chegar aos centros de referência; dentre outros.

 

Dados da saúde dos indígenas

Entre 2022 e 2023, 109 pacientes indígenas passaram a fazer tratamento na FCecon.

Desde 2019, a Fundação conta com um protocolo para atendimento diferenciado a indígenas aldeados, aqueles que vivem em aldeias, considerando sua vulnerabilidade sociocultural.

Esse tipo de acolhimento é regulado pela Portaria nº 2.663, de 11 de outubro de 2017, que trata da Atenção Especializada aos Povos Indígenas (IAE-PI), do Sistema Único de Saúde (SUS).

Apoio

O manual conta com verbas da parceria do Conselho Federal de Enfermagem (Cofen) e da Coordenação de Aperfeiçoamento do Pessoal de Nível Superior (Capes), do Ministério da Educação (MEC).

A produção contou com o apoio da Gerência de Enfermagem da FCecon para coleta de dados.

O manual está em fase de correção e em breve será disponibilizado aos profissionais de saúde.

 

Texto: da redação, com informações do FCecon. 

Fotos: divulgação. 

Ilustração: Neto Ribeiro/ Portal Pontual. 

Últimos Artigos

Márcia Perales lança livro sobre a democratização do ensino

A pesquisadora e escritora Márcia Perales Mendes Silva, diretora-presidente da Fundação de Amparo à...

Careiro inicia preparações visando a Conferência Municipal de Meio Ambiente

Tendo sido um dos municípios mais afetados pelos incêndios florestais e fumaça no verão...

Agendão Cultural está repleto de eventos nos espaços mantidos pelo Governo do Amazonas

O agendão cultural deste fim de semana (17 a 19/05) oferece uma programação repleta...

Teatro da Instalação recebe estreia de nova temporada do espetáculo ‘Helena’, do Ateliê 23

No domingo (19/05), às 19h, o Ateliê 23 apresenta a nova temporada do espetáculo...

Eric Lima

Criador do Portal Pontual

Mestrado em Saúde, Sociedade e Endemias na área de concentração de Epidemiologia de Agravos e Prevalentes na Amazônia pelo instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/FIOCRUZ), Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e Universidade Federal do Pará (UFPA - 2013). Tem experiência em pesquisa na área de Epidemiologia, Saúde Coletiva com ênfase em Saúde Pública, Avaliação de Serviço em Saúde e Saúde Baseada em Evidências, desenvolvendo estudos nos temas: Tuberculose, Resistência aos fármacos, Tuberculose Multirresistente, Coinfecção TB/HIV.

Mais artigos como este

Márcia Perales lança livro sobre a democratização do ensino

A pesquisadora e escritora Márcia Perales Mendes Silva, diretora-presidente da Fundação de Amparo à...

Careiro inicia preparações visando a Conferência Municipal de Meio Ambiente

Tendo sido um dos municípios mais afetados pelos incêndios florestais e fumaça no verão...

Agendão Cultural está repleto de eventos nos espaços mantidos pelo Governo do Amazonas

O agendão cultural deste fim de semana (17 a 19/05) oferece uma programação repleta...