terça-feira, julho 16, 2024
HomeAmazonasEstudo da FVS-RCP aborda sobre a tendência da Leishmaniose Tegumentar

Estudo da FVS-RCP aborda sobre a tendência da Leishmaniose Tegumentar

Publicado em

Artigo Relacionado

Com apoio do Governo do Amazonas, incubadora de empresas fortalece empreendedorismo de base tecnológica

No interior do Amazonas, especificamente no município de Itacoatiara (distante 176 quilômetros de Manaus),...

Integrando as ações de pesquisa em vigilância em saúde no Amazonas, a Fundação de Vigilância em Saúde do Amazonas – Dra. Rosemary Costa Pinto (FVS-RCP) realizou um estudo sobre a tendência temporal da Leishmaniose Tegumentar Americana (LTA) no Amazonas, divulgado na Revista internacional Acta Tropica, em maio deste ano, uma publicação dedicada a doenças infecciosas e saúde pública nos trópicos e subtropicais.

A pesquisa, intitulada “Análise Espaço-Temporal das Incidências da Leishmaniose Tegumentar Americana no Estado do Amazonas: 2011 a 2022”, publicada em inglês, está disponível no site e é dirigida pela pesquisadora Erica Chagas, do Departamento de Vigilância Ambiental da FVS-RCP e Doutora em Doenças Tropicais e Infecciosas pela Universidade do Estado do Amazonas.

Abordagem do estudo

O estudo aborda a LTA, que é uma doença estigmatizante devido suas formas clínicas, com possíveis impactos psicológicos e socioeconômicos aos acometidos, caracterizada como de importância para a saúde pública no estado.

A diretora-presidente da FVS-RCP, Tatyana Amorim, destaca que este é mais um estudo realizado na FFVS-RCP que enfatiza a importância que a instituição dá para o desenvolvimento de pesquisas em vigilância em saúde e a relevância dessas iniciativas.

Já a pesquisadora Erica Chagas compartilhou que a LTA faz parte do grupo de enfermidades chamadas de doenças tropicais negligenciadas, o que fortalece a relevância da pesquisa, que realizou uma análise detalhada da tendência e distribuição espaço-temporal dos casos de LTA nos 62 municípios do estado, no período de 2011 a 2022, utilizando dados secundários agregados do Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN).

Desenvolvimento do estudo

No estudo, foram identificados 19.780 casos da doença, com uma incidência média de 41,4 por 100 mil habitantes no estado. Foi verificado, ainda, em quais municípios a tendência de casos está crescente, identificando aqueles com maior importância epidemiológica e a correlação de variáveis ambientais/climáticas, como desmatamento, temperatura, precipitação e umidade relativa do ar, sublinhando a complexidade dos fatores que influenciam a incidência da doença.

Os resultados desse estudo fornecem dados para a compreensão da epidemiologia da LTA no Amazonas e a formulação de estratégias eficazes para o controle e prevenção, destacando a importância contínua da pesquisa e vigilância em saúde pública.

 

Da redação para Portal Pontual, com informações da FVS- RCP.

Fotos: Anne Alves/FVS- RCP.

 

Últimos Artigos

Com apoio do Governo do Amazonas, incubadora de empresas fortalece empreendedorismo de base tecnológica

No interior do Amazonas, especificamente no município de Itacoatiara (distante 176 quilômetros de Manaus),...

Casa das Artes: Exposições celebram a diversidade cultural e artística

Nesta sexta-feira (12/07), às 18h30, a Casa das Artes, localizada na rua José Clemente,...

Ibama e Funai renovam parceria de atuação das Brigadas Federais em Terras Indígenas

O Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), juntamente com...

Seminário na UEA debate foco em soluções tecnológicas para o mercado de defesa

Com a missão de proporcionar a criação de novas ideias e perspectivas, oferecendo um...

Eric Lima

Criador do Portal Pontual

Mestrado em Saúde, Sociedade e Endemias na área de concentração de Epidemiologia de Agravos e Prevalentes na Amazônia pelo instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/FIOCRUZ), Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e Universidade Federal do Pará (UFPA - 2013). Tem experiência em pesquisa na área de Epidemiologia, Saúde Coletiva com ênfase em Saúde Pública, Avaliação de Serviço em Saúde e Saúde Baseada em Evidências, desenvolvendo estudos nos temas: Tuberculose, Resistência aos fármacos, Tuberculose Multirresistente, Coinfecção TB/HIV.

Mais artigos como este

Com apoio do Governo do Amazonas, incubadora de empresas fortalece empreendedorismo de base tecnológica

No interior do Amazonas, especificamente no município de Itacoatiara (distante 176 quilômetros de Manaus),...

Casa das Artes: Exposições celebram a diversidade cultural e artística

Nesta sexta-feira (12/07), às 18h30, a Casa das Artes, localizada na rua José Clemente,...

Ibama e Funai renovam parceria de atuação das Brigadas Federais em Terras Indígenas

O Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), juntamente com...