sexta-feira, julho 19, 2024
HomeSem categoriaEleição | Amazonino construiu mais de 170 pontos de atendimentos de saúde

Eleição | Amazonino construiu mais de 170 pontos de atendimentos de saúde

Publicado em

Artigo Relacionado

RR: ALE vai gastar R$ 2,3 milhões com compra de combustível em posto de político investigado pela PF por desvio milionário

Roraima - Sob a gestão do presidente Soldado Sampaio (Republicanos), a Assembleia Legislativa de...

Amazonas | Manaus (12/07)

Três mandatos como governador do Estado e prefeito de Manaus, Amazonino Mendes (PDT) implantou no Amazonas 173 pontos de atendimentos de saúde, divididos em centros de assistência de baixa, média e alta complexidade. Ele acumulou ao longo da sua trajetória política experiência para gerenciar a máquina administrativa e grandes realizações.

Amazonino criou os hospitais 28 de Agosto, Dr. João Lúcio (adulto e infantil), Francisca Mendes, de Medicina Tropical (FMT), de Oncologia (1ª etapa), além das policlínicas. Para ele, a situação crítica da atual rede estadual de saúde precisa de gestão. “Melhorar o que tem e colocar para funcionar são as nossas prioridades na área de saúde. Precisa restaurar o que tinha. Nós fizemos hospitais em quase todos os municípios do Estado e da capital”, disse o líder da coligação “Movimento pela reconstrução do Amazonas”.  “Não tinha um hospital infantil. Não tinha nada para a criança, fizemos três hospitais. Além dos hospitais, fizemos cinco Caics (Centro de Atenção à Criança e ao Adolescente)”, completou.

Tratamento

O candidato informou que antes de assumir o executivo estadual, idoso não tinha um tratamento digno. “Idoso era tratado como lixo. Fizemos quatro Caimis (Centro de Atenção Integral à Melhor Idade). Infelizmente, tudo isso foi destruído. Agora, o momento requer um projeto de reconstrução. Falta amor com a administração pública”.

Pensando na melhor distribuição de remédios, Amazonino foi pessoalmente buscar tecnologia na Europa para buscar alternativas na distribuição de medicamento para a capital e interior do Amazonas. “Remédio? Não tinha nenhum controle. Montamos o controle mais moderno de medicamentos do Brasil. Fizemos uma central de medicamentos, compramos medicamentos para dois anos. Tanto para o interior quanto para a capital. A diferença é enorme (dos tempos atuais)”, relembrou.

Amazonino ressalta que em 12 meses colocará toda a rede hospitalar para funcionar e valorizar o funcionário público. “Os profissionais da área da saúde serão tratados com dignidade e humanidade, tendo seus compromissos honrados”, garantiu.

Implantações

Durante os mandatos, o ex-governador criou somente no interior 47 hospitais. Ele instituiu o primeiro serviço móvel de emergência do Estado, SOS Manaus; reestruturou o Samu; implantou as “motolâncias”, “ambulanchas”, e carretas da mulher e de odontologia. O líder da coligação construiu ainda seis centros de atendimentos especializados em hemoterapia, oncologia e de doenças infecciosas, além das “Casonas de Saúde”, entre outras unidades hospitalares que são referências no país. “Precisa construir algo a mais? É só colocar tudo para funcionar. Temos umas das melhores redes de saúde pública do país. Mas precisa ser corrigida. O povo precisa de dignidade. Vamos enxugar a máquina do Estado e colocar tudo para funcionar”, finalizou.

Últimos Artigos

Ambientalistas saem em defesa do Igarapé do Goiabinha em Manaus.

O ato ocorreu neste dia 10 de julho por ocasião da 7a. Reunião da...

Projeto ‘Aqui Tem Jazz’ promove circuito gastronômico em Manaus durante período do Amazonas Green Jazz Festival

A organização do Amazonas Green Jazz Festival, edição 2024, estão com as inscrições abertas...

Com apoio do Governo do Amazonas, incubadora de empresas fortalece empreendedorismo de base tecnológica

No interior do Amazonas, especificamente no município de Itacoatiara (distante 176 quilômetros de Manaus),...

Casa das Artes: Exposições celebram a diversidade cultural e artística

Nesta sexta-feira (12/07), às 18h30, a Casa das Artes, localizada na rua José Clemente,...

Eric Lima

Criador do Portal Pontual

Mestrado em Saúde, Sociedade e Endemias na área de concentração de Epidemiologia de Agravos e Prevalentes na Amazônia pelo instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/FIOCRUZ), Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e Universidade Federal do Pará (UFPA - 2013). Tem experiência em pesquisa na área de Epidemiologia, Saúde Coletiva com ênfase em Saúde Pública, Avaliação de Serviço em Saúde e Saúde Baseada em Evidências, desenvolvendo estudos nos temas: Tuberculose, Resistência aos fármacos, Tuberculose Multirresistente, Coinfecção TB/HIV.

Mais artigos como este

Ambientalistas saem em defesa do Igarapé do Goiabinha em Manaus.

O ato ocorreu neste dia 10 de julho por ocasião da 7a. Reunião da...

Projeto ‘Aqui Tem Jazz’ promove circuito gastronômico em Manaus durante período do Amazonas Green Jazz Festival

A organização do Amazonas Green Jazz Festival, edição 2024, estão com as inscrições abertas...

Com apoio do Governo do Amazonas, incubadora de empresas fortalece empreendedorismo de base tecnológica

No interior do Amazonas, especificamente no município de Itacoatiara (distante 176 quilômetros de Manaus),...