quinta-feira, julho 18, 2024

Publicado em

Artigo Relacionado

Projeto ‘Aqui Tem Jazz’ promove circuito gastronômico em Manaus durante período do Amazonas Green Jazz Festival

A organização do Amazonas Green Jazz Festival, edição 2024, estão com as inscrições abertas...

Segunda Feira | 06/11/17


Artigo de opinião

Professor: acredite em você!

Rodrigo Barbosa Froés

Elisângela Dell-Armelina Suruí, de 38 anos, foi premiada com o título de educadora nota 10 por seu projeto de alfabetização na língua indígena Paiter Suruí em Cacoal. A professora nos serve de inspiração, pois acreditou na sua capacidade, uma professora formada em pedagogia a distância e que trabalha em uma escola rural indígena no interior de Rondônia foi eleita a Educadora do Ano, superando a adversidade com o projeto batizado de “Mamug Koe Ixo Tig”, que significa “A fala e a escrita da criança”. O trabalho incluiu a elaboração de um material didático próprio em Paiter Suruí para os 15 alunos do 1º ao 5º ano do ensino fundamental, que estudam todos na mesma sala multisseriada.

A professora Elisângela está presente em cada guerreiro da educação que, assim como ela, usa a criatividade para superar os desafios que aparecem no fazer pedagógico diário. O Prêmio conquistado por Elisângela eu tive o prazer e a alegria de receber no ano passado e revivi tudo outra vez, me sentindo representado por uma conterrânea do norte que mostra ao Brasil e ao mundo que os povos indígenas lutam também diariamente por educação de qualidade.

Meus caros leitores, trago o exemplo da professora Elisângela, bem como da professora Helley Abreu Batista, de 43 anos, uma verdadeira heroína. Ao tentar salvar seus alunos e lutar contra o vigilante que ateou fogo na creche Gente Inocente, em Janaúba, no Norte de Minas, ela sacrificou a própria vida em defesa das crianças e, com isso, impediu que a tragédia que chocou o Brasil e o mundo fosse ainda maior. Ou ainda o Professor Valter Menezes, parintinense, professor ribeirinho foi o primeiro amazonense da história a ser indicado ao Global Teacher Prize, considerado o Prêmio Nobel da Educação, e que reconhece as mais inovadoras práticas educadoras ao redor do planeta, sendo que apenas três brasileiros foram indicados a esse prêmio em toda a história.

Há ainda o exemplo desse pequeno professor que vos escreve, que de vendedor de porta em porta pode, por meio da educação, de luta e perseverança foi capaz de ter seu trabalho reconhecido como um educador nota 10 de 2016, sendo o primeiro amazonense a ser eleito “Melhor diretor escolar do Brasil”. Em comum, todos esses exemplos trazem verdadeiros heróis e eu poderia produzir muitas outras linhas com outros tantos nomes de homens e mulheres que lutam do norte ao sul desse país por uma educação digna para as nossas crianças. O Brasil precisa parar de ser o país do futebol com o urgência, e precisa torna-se o país da educação. Nossas crianças merecem melhor investimento, é uma vergonha as condições em que a educação se encontra hoje.

Parafraseando o samba enredo da Escola de Samba Reino Unido da Liberdade de Manaus, que no ano de 2018 homenageia os professores, lhes digo “acredite em você e onde quer chegar…”, pois acredito sempre que “A educação alimenta a confiança. A confiança alimenta a esperança. A esperança alimenta a paz”, Confúcio, filósofo chinês.

Últimos Artigos

Projeto ‘Aqui Tem Jazz’ promove circuito gastronômico em Manaus durante período do Amazonas Green Jazz Festival

A organização do Amazonas Green Jazz Festival, edição 2024, estão com as inscrições abertas...

Com apoio do Governo do Amazonas, incubadora de empresas fortalece empreendedorismo de base tecnológica

No interior do Amazonas, especificamente no município de Itacoatiara (distante 176 quilômetros de Manaus),...

Casa das Artes: Exposições celebram a diversidade cultural e artística

Nesta sexta-feira (12/07), às 18h30, a Casa das Artes, localizada na rua José Clemente,...

Ibama e Funai renovam parceria de atuação das Brigadas Federais em Terras Indígenas

O Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), juntamente com...

Eric Lima

Criador do Portal Pontual

Mestrado em Saúde, Sociedade e Endemias na área de concentração de Epidemiologia de Agravos e Prevalentes na Amazônia pelo instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/FIOCRUZ), Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e Universidade Federal do Pará (UFPA - 2013). Tem experiência em pesquisa na área de Epidemiologia, Saúde Coletiva com ênfase em Saúde Pública, Avaliação de Serviço em Saúde e Saúde Baseada em Evidências, desenvolvendo estudos nos temas: Tuberculose, Resistência aos fármacos, Tuberculose Multirresistente, Coinfecção TB/HIV.

Mais artigos como este

Projeto ‘Aqui Tem Jazz’ promove circuito gastronômico em Manaus durante período do Amazonas Green Jazz Festival

A organização do Amazonas Green Jazz Festival, edição 2024, estão com as inscrições abertas...

Com apoio do Governo do Amazonas, incubadora de empresas fortalece empreendedorismo de base tecnológica

No interior do Amazonas, especificamente no município de Itacoatiara (distante 176 quilômetros de Manaus),...

Casa das Artes: Exposições celebram a diversidade cultural e artística

Nesta sexta-feira (12/07), às 18h30, a Casa das Artes, localizada na rua José Clemente,...