sábado, fevereiro 24, 2024
HomeSem categoriaSegurança | SSP-AM coloca em funcionamento helicópteros que estavam parados há dois...

Segurança | SSP-AM coloca em funcionamento helicópteros que estavam parados há dois anos

Publicado em

spot_img

Artigo Relacionado

RR: ALE vai gastar R$ 2,3 milhões com compra de combustível em posto de político investigado pela PF por desvio milionário

Roraima - Sob a gestão do presidente Soldado Sampaio (Republicanos), a Assembleia Legislativa de...

Manaus | Terça-feira


Após dois anos inoperantes, o Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Segurança Pública (SSP-AM), coloca em funcionamento dois helicópteros modelo Esquilo AS 350 B3 para apoio às ações do Sistema de Segurança Pública do Estado. Um terceiro helicóptero,  modelo Schweizer, passa por manutenção e deve entrar em operação em breve. O anúncio da retomada do patrulhamento aéreo foi feito pelo governador do Amazonas em exercício, Bosco Saraiva, nesta terça-feira (19/12), no Terminal 2 do Aeroporto Internacional Eduardo Gomes.

O motivo da inoperância das duas aeronaves era falta de manutenção especializada. As inspeções anuais de manutenção estavam vencidas. O Governo do Amazonas investiu R$ 1,164 milhão na manutenção das três aeronaves.

A gestão dos helicópteros é realizada pela SSP-AM, por meio do Serviço Integrado de Operações Aéreas (Sioa), que tem como objetivo racionalizar e aprimorar a gestão dos recursos aeronáuticos disponíveis nos sistema de segurança pública do Amazonas. O Sioa é composto por servidores da Polícia Civil, da Polícia Militar e do Corpo de Bombeiros. Os servidores atuam nas funções de pilotos, mecânicos e tripulantes operacionais.

De acordo com o governador em exercício, Bosco Saraiva, além do trabalho para colocar as aeronaves em funcionamento, também foi recomposta toda a equipe operacional com os comandantes das aeronaves. “Até o dia 15 de janeiro, elas serão utilizadas para sobrevoos ostensivos especialmente nas penitenciárias para garantir que o final de ano seja tranquilo também dentro do sistema prisional”, disse.

Segundo Bosco Saraiva, o Governo do Amazonas está trabalhando com o apoio de todos os setores de inteligência para conter ocorrências como a de janeiro deste ano em unidades prisionais do Estado. “Essas aeronaves são fundamentais para que a gente, de forma muito rápida, possa acionar os quadros técnicos e especiais das nossas Polícias Civil e Militar e atender a população”, completou.

As aeronaves passaram por manutenções corretivas e preventivas que incluem a troca de peças, além da Inspeção Anual de Manutenção (IAM), protocolo por meio do qual a Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) atesta as condições de aeronavegabilidade dos equipamentos.  Os helicópteros possuem uma autonomia de três horas de voo e são utilizados em ações de regate aéreo, patrulhamento preventivo, voo policial em áreas de presídio, fiscalização ambiental, prevenção e combate a incêndio florestal, além de ser utilizado como plataforma de observação, transporte de autoridades e evacuação aeromédica.

Fonte: Secom

Redação Por Natália Dantas

Últimos Artigos

Google anuncia abertura de centro de engenharia no Brasil

O Google, o Governo de São Paulo e o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT),...

Ibama e UEA alinham acordo para desenvolvimento de projetos

Em reunião realizada no último dia 16 de fevereiro, a Universidade do Estado do...

Em Japurá no Amazonas, garimpo ilegal e lixão ameaçam o meio ambiente, afirma Joel Araújo

Na sua avaliação a alta renda per capta do município, advinda em grande parte...

Governo do Am apoia manutenção de equipamentos laboratoriais para continuidade nas pesquisas

O Governo do Amazonas, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado...

Eric Lima

Criador do Portal Pontual

Mestrado em Saúde, Sociedade e Endemias na área de concentração de Epidemiologia de Agravos e Prevalentes na Amazônia pelo instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/FIOCRUZ), Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e Universidade Federal do Pará (UFPA - 2013). Tem experiência em pesquisa na área de Epidemiologia, Saúde Coletiva com ênfase em Saúde Pública, Avaliação de Serviço em Saúde e Saúde Baseada em Evidências, desenvolvendo estudos nos temas: Tuberculose, Resistência aos fármacos, Tuberculose Multirresistente, Coinfecção TB/HIV.

Mais artigos como este

Google anuncia abertura de centro de engenharia no Brasil

O Google, o Governo de São Paulo e o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT),...

Ibama e UEA alinham acordo para desenvolvimento de projetos

Em reunião realizada no último dia 16 de fevereiro, a Universidade do Estado do...

Em Japurá no Amazonas, garimpo ilegal e lixão ameaçam o meio ambiente, afirma Joel Araújo

Na sua avaliação a alta renda per capta do município, advinda em grande parte...