sábado, fevereiro 24, 2024
HomeSem categoriaÚltimas | "Indícios de que 20 km de asfaltamento em ramal de...

Últimas | “Indícios de que 20 km de asfaltamento em ramal de Rio Preto da Eva, foi para favorecer sítio de José Melo” diz Polícia Federal

Publicado em

spot_img

Artigo Relacionado

RR: ALE vai gastar R$ 2,3 milhões com compra de combustível em posto de político investigado pela PF por desvio milionário

Roraima - Sob a gestão do presidente Soldado Sampaio (Republicanos), a Assembleia Legislativa de...

Manaus | Quinta Feira


O ex governador José Melo teve pedido de prisão temporária cumprido hoje pela Polícia Federal, em operação denominada (Estado de emergência). Durante as buscas foram apreendidos 90 mil em espécie no sítio do ex governador, assim, como foi efetuada a prisão do caseiro por porte ilegal de arma.

De acordo com Israel Carvalho, da CGU, foi feita uma análise em cima do patrimônio do ex-governador José Melo e constatou-se que o mesmo era incompatível com salários de governador. A casa de José Melo, situada no bairro de Flores, na Zona Centro-Sul da capital, é avaliada em R$ 7 milhões. “Há uma incompatibilidade elevada entre os rendimentos e os bens”, disse Carvalho

Asfaltamento de Ramal em Rio Preto da Eva sob suspeita

O superintendente da PF, Alexandre Saraiva, afirmou que o governador usou recursos públicos para valorizar o sítio que ele possui próximo a Rio Preto da Eva – o mesmo onde ele foi preso. Segundo o superintendente, o ramal foi o único a ser asfaltado na região e o processo foi feito com dinheiro público exclusivamente para dar acesso ao sítio do ex-governador.

Sobre o asfaltamento e os recursos utilizados para este fins, o superintendente Alexandre Saraiva disse ainda que a investigação está aprofundando a participação de outros envolvidos, que atuaram e direcionaram os 20km de asfalto viabilizado para o sítio de José Melo, porém, adiantou que não era possível dar mais informações.

Caso Alexandre do PDT

Após ser perguntado pela imprensa sobre a suspeita da relação direta de Evandro Melo, com a morte do ativistas político Alexandre do PDT, Saraiva disse que as investigações já assumiram uma linha alternativa, afirmando “Um dos líderes do esquema da corrupção, imputou ao irmão do ex governador o crime de homicídio, mas vamos decidir se vamos federalizar ou não está investigação”. Saraiva

Redação por Éric Lima

Últimos Artigos

Google anuncia abertura de centro de engenharia no Brasil

O Google, o Governo de São Paulo e o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT),...

Ibama e UEA alinham acordo para desenvolvimento de projetos

Em reunião realizada no último dia 16 de fevereiro, a Universidade do Estado do...

Em Japurá no Amazonas, garimpo ilegal e lixão ameaçam o meio ambiente, afirma Joel Araújo

Na sua avaliação a alta renda per capta do município, advinda em grande parte...

Governo do Am apoia manutenção de equipamentos laboratoriais para continuidade nas pesquisas

O Governo do Amazonas, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado...

Eric Lima

Criador do Portal Pontual

Mestrado em Saúde, Sociedade e Endemias na área de concentração de Epidemiologia de Agravos e Prevalentes na Amazônia pelo instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/FIOCRUZ), Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e Universidade Federal do Pará (UFPA - 2013). Tem experiência em pesquisa na área de Epidemiologia, Saúde Coletiva com ênfase em Saúde Pública, Avaliação de Serviço em Saúde e Saúde Baseada em Evidências, desenvolvendo estudos nos temas: Tuberculose, Resistência aos fármacos, Tuberculose Multirresistente, Coinfecção TB/HIV.

Mais artigos como este

Google anuncia abertura de centro de engenharia no Brasil

O Google, o Governo de São Paulo e o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT),...

Ibama e UEA alinham acordo para desenvolvimento de projetos

Em reunião realizada no último dia 16 de fevereiro, a Universidade do Estado do...

Em Japurá no Amazonas, garimpo ilegal e lixão ameaçam o meio ambiente, afirma Joel Araújo

Na sua avaliação a alta renda per capta do município, advinda em grande parte...