sábado, fevereiro 24, 2024
HomeSem categoriaManaus | Romahs Mascarenhas ensina técnicas de mangá para crianças e adolescentes...

Manaus | Romahs Mascarenhas ensina técnicas de mangá para crianças e adolescentes do ‘De férias sim, nas ruas não’

Publicado em

spot_img

Artigo Relacionado

RR: ALE vai gastar R$ 2,3 milhões com compra de combustível em posto de político investigado pela PF por desvio milionário

Roraima - Sob a gestão do presidente Soldado Sampaio (Republicanos), a Assembleia Legislativa de...

Manaus | Terça-feira


 

Curso faz parte da colônia de férias do projeto “Sinaleiras”, que é dedicado a menores que trabalhavam nos sinais de trânsito

Até o próximo dia 26 de janeiro, a Secretaria de Estado de Cultura (SEC) está oferecendo os cursos de teatro, dança e desenho na colônia de férias “De férias sim, nas ruas não”, que faz parte do projeto “Sinaleiras”, promovido pelo Governo do Estado do Amazonas. Um dos colaboradores da ação é o cartunista amazonense Rogério Mascarenhas, também conhecido como Romahs, que fala sobre a experiência de modificar, por meio da arte, parte da realidade de crianças e adolescentes que trabalhavam em sinais.

Ministrando o curso de “Técnicas de Mangá” para crianças de 3 a 6 anos no turno matutino, e para adolescentes de 14 anos no turno vespertino, o artista considera a experiência uma forma de se tornar cada vez mais versátil.

“O maior desafio para mim, neste projeto, é ensinar para crianças de diferentes idades. A forma de lidar com o que eu vou mostrar para cada turma é diferente. A arte para crianças é mais lúdica e livre, para adolescentes eu posso usar a metodologia e as técnicas”, comenta.

Romahs é cartunista, quadrinista e trabalha em parceira com o Mauricio de Sousa Produções em publicações como “A Turma da Mônica Jovem”. Recentemente ele se tornou professor do Liceu de Artes e Ofícios Claudio Santoro onde voltará a lecionar em 2018. Sobre a colônia de férias, Romahs conta que a vontade de aprender dos novos artistas é que mais lhe chama a atenção.

“As aulas estão acontecendo a todo vapor e a sala está sempre cheia. O engraçado é que eles (as crianças) chegam com muita vontade de tirar as dúvidas e, às vezes, pedem pra eu explicar e repetir as atividades que eles mais gostaram nas aulas anteriores”.

Romahs já trabalha voluntariamente na ONG “Transformar” ensinando crianças e adolescentes expostos a situações de risco, com isso, o artista afirma que já tem facilidade para ensiná-las.

Neste curso, Romahs explica que procura destacar personagens conhecidos do desenho em mangá infantil como “Naruto”, ”Dragon Ball Z” e “Cavaleiros do Zodíaco”, para acelerar o aprendizado da turma.

“O que eu percebo é que essas crianças têm dificuldade de manter a concentração e as aulas precisam ser mais dinâmicas para prender a atenção”, destaca. ”Eu uso recursos como fantoches, crio desenhos de uma forma lúdica e eles podem interferir no que eu estou desenhando, mas eu sei que preciso realizar uma metodologia rápida para que o nível de aproveitamento seja máximo”.

O cartunista destaca, ainda, que observa a fascinação dos alunos ao descobrirem a utilização de instrumentos de desenho e pintura. “Muitas vezes eles não estão acostumados a usar um lápis aquarelado, a fazer pinturas e desenhos e você pode ver que eles acham tudo isso fascinante e encantador”.

A Secretaria de Estado de Cultura também oferece cursos de teatro, dança e desenho na “De férias sim, nas ruas não”, que já beneficiou cerca de 230 pessoas, sendo 166 crianças e adolescentes em 71 famílias.

No dia 27 de janeiro, todas as turmas do projeto irão participar de uma apresentação no Teatro da Instalação, localizado na Rua Frei José dos Inocentes, Centro.

Fonte: Secom

Redação Por Natália Dantas

Últimos Artigos

Google anuncia abertura de centro de engenharia no Brasil

O Google, o Governo de São Paulo e o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT),...

Ibama e UEA alinham acordo para desenvolvimento de projetos

Em reunião realizada no último dia 16 de fevereiro, a Universidade do Estado do...

Em Japurá no Amazonas, garimpo ilegal e lixão ameaçam o meio ambiente, afirma Joel Araújo

Na sua avaliação a alta renda per capta do município, advinda em grande parte...

Governo do Am apoia manutenção de equipamentos laboratoriais para continuidade nas pesquisas

O Governo do Amazonas, por meio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado...

Eric Lima

Criador do Portal Pontual

Mestrado em Saúde, Sociedade e Endemias na área de concentração de Epidemiologia de Agravos e Prevalentes na Amazônia pelo instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/FIOCRUZ), Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e Universidade Federal do Pará (UFPA - 2013). Tem experiência em pesquisa na área de Epidemiologia, Saúde Coletiva com ênfase em Saúde Pública, Avaliação de Serviço em Saúde e Saúde Baseada em Evidências, desenvolvendo estudos nos temas: Tuberculose, Resistência aos fármacos, Tuberculose Multirresistente, Coinfecção TB/HIV.

Mais artigos como este

Google anuncia abertura de centro de engenharia no Brasil

O Google, o Governo de São Paulo e o Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT),...

Ibama e UEA alinham acordo para desenvolvimento de projetos

Em reunião realizada no último dia 16 de fevereiro, a Universidade do Estado do...

Em Japurá no Amazonas, garimpo ilegal e lixão ameaçam o meio ambiente, afirma Joel Araújo

Na sua avaliação a alta renda per capta do município, advinda em grande parte...