sexta-feira, julho 19, 2024
HomeCotidianoServidores da Anvisa receberam 458 ameaças por aval a vacina infantil contra...

Servidores da Anvisa receberam 458 ameaças por aval a vacina infantil contra Covid

Publicado em

Artigo Relacionado

Festival de Férias leva a garotada a um passeio histórico pelo Centro Cultural dos Povos da Amazônia

Diversão e aventura marcaram a abertura do Festival de Férias 2024, que ocorreu na...

O presidente da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária), Antonio Barra Torres, disse nesta quarta-feira (16) que diretores e técnicos do órgão regulador receberam 458 ameaças desde que entrou em pauta a vacinação das crianças para a Covid-19.

Em audiência na Comissão de Direitos Humanos do Senado, Barra Torres disse que os ataques geram clima de “insegurança e tensão desnecessárias”.

As ameaças se tornaram mais frequentes após o presidente Jair Bolsonaro (PL), que é vetor de desinformação sobre a imunização, afirmar que iria expor nome de técnicos do órgão que aprovaram o uso de doses da Pfizer na faixa de 5 a 11 anos.

A agência tem informado a Polícia Federal e o STF (Supremo Tribunal Federal) sobre as ameaças. O número de ataques citado por Barra Torres foi somado até 14 de fevereiro.

Ele reconheceu que as falas de Bolsonaro coincidem com o aumento das ameaças à Anvisa.

“Esse outro que se somou agora, que é a preocupação com a própria segurança, é totalmente descabido e desnecessário, mas, infelizmente, ele está lá. Esse ambiente é um ambiente de insegurança”, disse ele aos senadores.

Barra Torres disse ao jornal Folha de S.Paulo, no fim de dezembro, que Bolsonaro estimula crimes de ameaça contra integrantes do órgão.

O presidente da Anvisa foi chamado ao Senado para falar sobre a vacinação de crianças e sobre documento do Ministério da Saúde que defendia uso de hidroxicloroquina e dizia que vacinas não funcionam contra a mesma doença.

Barra Torres disse que a Anvisa não participou da elaboração do documento. Afirmou ainda que a agência não concorda com os argumentos.

O presidente da agência declarou que causa “perplexidade” e “preocupação” cogitar o uso off label (fora das indicações da bula) da hidroxicloroquina como política pública contra a Covid-19. “Não consigo vislumbrar uma razoabilidade”, disse Barra Torres.

Os senadores da Comissão de Direitos Humanos do Senado têm atuado para manter aquecidos os temas que foram tratados na CPI da Covid.

O colegiado ainda irá receber os ministros Marcelo Queiroga (Saúde) e Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos) para tratar do enfrentamento da pandemia e da vacinação de crianças.

Por Mateus Vargas/FOLHAPRESS

Foto: Divulgação

Redação por Bernardo Andrade

Últimos Artigos

Fiocruz AM apresenta áreas de atuação em pesquisa aos integrantes da ASEAN

O Instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/ Fiocruz Amazônia) recebeu nesta quarta-feira, 17/07, a...

Ambientalistas saem em defesa do Igarapé do Goiabinha em Manaus.

O ato ocorreu neste dia 10 de julho por ocasião da 7a. Reunião da...

Projeto ‘Aqui Tem Jazz’ promove circuito gastronômico em Manaus durante período do Amazonas Green Jazz Festival

A organização do Amazonas Green Jazz Festival, edição 2024, estão com as inscrições abertas...

Com apoio do Governo do Amazonas, incubadora de empresas fortalece empreendedorismo de base tecnológica

No interior do Amazonas, especificamente no município de Itacoatiara (distante 176 quilômetros de Manaus),...

Eric Lima

Criador do Portal Pontual

Mestrado em Saúde, Sociedade e Endemias na área de concentração de Epidemiologia de Agravos e Prevalentes na Amazônia pelo instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/FIOCRUZ), Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e Universidade Federal do Pará (UFPA - 2013). Tem experiência em pesquisa na área de Epidemiologia, Saúde Coletiva com ênfase em Saúde Pública, Avaliação de Serviço em Saúde e Saúde Baseada em Evidências, desenvolvendo estudos nos temas: Tuberculose, Resistência aos fármacos, Tuberculose Multirresistente, Coinfecção TB/HIV.

Mais artigos como este

Fiocruz AM apresenta áreas de atuação em pesquisa aos integrantes da ASEAN

O Instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/ Fiocruz Amazônia) recebeu nesta quarta-feira, 17/07, a...

Ambientalistas saem em defesa do Igarapé do Goiabinha em Manaus.

O ato ocorreu neste dia 10 de julho por ocasião da 7a. Reunião da...

Projeto ‘Aqui Tem Jazz’ promove circuito gastronômico em Manaus durante período do Amazonas Green Jazz Festival

A organização do Amazonas Green Jazz Festival, edição 2024, estão com as inscrições abertas...