quinta-feira, junho 13, 2024
HomeBrasilTemendo Moraes, Bolsonaro altera visto para ficar mais tempo nos EUA

Temendo Moraes, Bolsonaro altera visto para ficar mais tempo nos EUA

Publicado em

Artigo Relacionado

Ibama institui plano de atuação para emergência nuclear

O Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) aprovou, no...

Seguindo o conselho de seguranças que o cercam, Bolsonaro tenta acertar visto de turista para poder prolongar a estadia nos Estados Unidos.

Com o visto oficial vencendo na próxima segunda-feira (30/1), o ex-presidente poderia ficar mais 90 dias em solo norte-americano com a mudança.

Na semana passada, a coluna mostrou que três seguranças de Bolsonaro, que passam os dias com ele nos Estados Unidos, têm recomendado que não retorne ao Brasil. O próprio ex-presidente tem afirmado que, se for preso por decisão de Alexandre de Moraes, será um “preso político”.

O núcleo do ex-presidente nega que a tentativa de mudar de visto ocorra por medo de prisão. Afirma que a extensão do período nos EUA seria para Bolsonaro “desopilar”. A entrada no visto de turista foi informada por Bela Megale, do Globo, e confirmada pela coluna.

 

 

Com informações de Metrópoles

Foto: Reprodução

Últimos Artigos

Estudo estima a efetividade do método Wolbachia no Brasil

Em maio de 2024, o Brasil bateu um recorde negativo. Foram 5 milhões de...

Galeria do largo recebe exposição ‘Portrait, entre o real e o abstrato’, nesta quarta

O Centro de Artes Visuais Galeria do Largo apresenta nesta quarta-feira (12/06), a partir...

Vereadora Jessica Conegundes prestigia time de Anamã contra Beruri pela Copa da Floresta

Defensora e incentivadora do esporte, a vereadora Jessica Conegundes (União Brasil), prestigiou o jogo...

A 120 dias da eleição, Thomé Neto vence todos os cenários em Autazes

O Instituto Pontual Pesquisas realizou estudo eleitoral no município de Autazes (a 111 quilômetros...

Eric Lima

Criador do Portal Pontual

Mestrado em Saúde, Sociedade e Endemias na área de concentração de Epidemiologia de Agravos e Prevalentes na Amazônia pelo instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/FIOCRUZ), Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e Universidade Federal do Pará (UFPA - 2013). Tem experiência em pesquisa na área de Epidemiologia, Saúde Coletiva com ênfase em Saúde Pública, Avaliação de Serviço em Saúde e Saúde Baseada em Evidências, desenvolvendo estudos nos temas: Tuberculose, Resistência aos fármacos, Tuberculose Multirresistente, Coinfecção TB/HIV.

Mais artigos como este

Estudo estima a efetividade do método Wolbachia no Brasil

Em maio de 2024, o Brasil bateu um recorde negativo. Foram 5 milhões de...

Galeria do largo recebe exposição ‘Portrait, entre o real e o abstrato’, nesta quarta

O Centro de Artes Visuais Galeria do Largo apresenta nesta quarta-feira (12/06), a partir...

Vereadora Jessica Conegundes prestigia time de Anamã contra Beruri pela Copa da Floresta

Defensora e incentivadora do esporte, a vereadora Jessica Conegundes (União Brasil), prestigiou o jogo...