quarta-feira, junho 19, 2024
HomeAmazonasPrograma de residência ‘Ecologias Especulativas' foi finalizado neste último domingo

Programa de residência ‘Ecologias Especulativas’ foi finalizado neste último domingo

Publicado em

Artigo Relacionado

Inpa compõe Rede Amazônica de instituições científicas para desenvolver bioeconomia na região

Oito institutos científicos da Pan-Amazônia do Brasil, Colômbia, Peru, Bolívia e Equador unem esforços...

Um programa promovido pelo LABVERDE, com curadoria da pesquisadora amazonense Lilian raji, terminou neste domingo (13/08).

Nomeado de “Ecologias Especulativas”, o programa reuniu 13 artistas provenientes da Amazônia e outras regiões do Brasil e do mundo. O grupo de artistas embarcou no dia 03 de agosto em uma completa imersão artística pelo bioma amazônico.

Com o objetivo de promover a criação de novos contéudos artísticos e culturais sobre questões socioambientais gerados pelo conhecimento teórico, experiência prática e pela troca profissional na Floresta, durante 10 dias os artistas, ativistas, antropólogos, filósofos, ecológos e agentes de conhecimento tradicional estiveram reunidos para trocar conhecimentos e promover novas abordagens para a promoção da justiça climática na Amazônia.

Programação do programa

Além da experiência em campo, o grupo também participa de uma série de palestras, workshops, expedições e debates para aprofundar seu conhecimento sobre a diversidade sociobiológica da Amazônia.

O escritor e fotógrafo com atuação em periferias, Dayrel Teixeira, conta que conheceu o projeto há 8 meses e que ficou maravilhado com os artistas de várias idades, com as mais diversas vivências, todas contribuindo para uma grande imersão, além de estarem comungando com a natureza e  com o cosmos.

Ainda, o escritor compartilhou que a imersão foi um mergulho na sua história, das lembranças do seus avós que eram do interior, de estar dentro da floresta.

Já Laiza Ferreira, que trabalha com colagens fotográficas evocando o tempo e o espaço da Amazônia e aproveitou a potência do encontro para superar os desafios de ”ser artista’ e ter novas trocas de experiências de novos pontos de vistas, enriquecendo seu conhecimento e repertório.

 

Sobre o programa

LABVERDE-Ecologias Especulativas é um programa de imersão artística, com duração de dez dias, na Floresta Amazônica para estreitar a relação entre a natureza, a arte e as ciências e discutir o papel da cultura na conscientização das questões socioambientais da Amazônia.

O programa recebeu 807 inscritos, provenientes dos 5 continentes, 23 capitais Brasileiras e representativos de várias linguagens e expressões da área da cultura.

O processo seletivo, contou com um comitê de jurados composto por Lilian Fraiji, diretora geral e artística da plataforma LABVERDE (AM), Vandria Borari, artista indígena e defensora dos direitos humanos de Alter do Chão (PA), Jonathan Nunes designer e pesquisador em Arte do Complexo do Alemão (RJ).

Além do grupo de artistas, o programa contou com um time de 20 especialistas locais e a participação do filósofo francês Emanuele Coccia, professor das Universidade de Harvard e École des hautes e autor do best-seller “A Vida das Plantas – Uma metafísica da mistura”.

Além disso, o programa contou com a participação de Vanda Witoto, ativista pelos direitos humanos da Amazônia, educadora política e liderança indígena de povo witoto.

 

Apoio

A residência tem o apoio do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA), Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMbio), University of the Arts London (UAL) e Embaixada da França no Brasil.

 

Texto: da redação.

Fotos: acervo do LABVERDE. 

 

 

Últimos Artigos

Inpa compõe Rede Amazônica de instituições científicas para desenvolver bioeconomia na região

Oito institutos científicos da Pan-Amazônia do Brasil, Colômbia, Peru, Bolívia e Equador unem esforços...

Estudo da FVS-RCP aborda sobre a tendência da Leishmaniose Tegumentar

Integrando as ações de pesquisa em vigilância em saúde no Amazonas, a Fundação de...

Estudo estima a efetividade do método Wolbachia no Brasil

Em maio de 2024, o Brasil bateu um recorde negativo. Foram 5 milhões de...

Galeria do largo recebe exposição ‘Portrait, entre o real e o abstrato’, nesta quarta

O Centro de Artes Visuais Galeria do Largo apresenta nesta quarta-feira (12/06), a partir...

Eric Lima

Criador do Portal Pontual

Mestrado em Saúde, Sociedade e Endemias na área de concentração de Epidemiologia de Agravos e Prevalentes na Amazônia pelo instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/FIOCRUZ), Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e Universidade Federal do Pará (UFPA - 2013). Tem experiência em pesquisa na área de Epidemiologia, Saúde Coletiva com ênfase em Saúde Pública, Avaliação de Serviço em Saúde e Saúde Baseada em Evidências, desenvolvendo estudos nos temas: Tuberculose, Resistência aos fármacos, Tuberculose Multirresistente, Coinfecção TB/HIV.

Mais artigos como este

Inpa compõe Rede Amazônica de instituições científicas para desenvolver bioeconomia na região

Oito institutos científicos da Pan-Amazônia do Brasil, Colômbia, Peru, Bolívia e Equador unem esforços...

Estudo da FVS-RCP aborda sobre a tendência da Leishmaniose Tegumentar

Integrando as ações de pesquisa em vigilância em saúde no Amazonas, a Fundação de...

Estudo estima a efetividade do método Wolbachia no Brasil

Em maio de 2024, o Brasil bateu um recorde negativo. Foram 5 milhões de...