Famosos & Entretenimento

Mundo| Kylie e Kendall Jenner, são acusadas de plágio por linha de lingerie.

Manaus, 16 de janeiro de 2020.

As irmãs Kylie, 22, e Kendall Jenner, 24, estão sendo processadas por copiar a linha de lingerie da Klauber Bros. Inc. Segundo a empresa, eles lançaram modelos em renda que têm desenhos bem específicos e que teriam sido imitados pelas empresárias.

A Klauber Bros. Inc. está processando as duas na Justiça porque tem direitos autorais sobre essas criações. Segundo o site TMZ, documentos mostram que a marca Kylie Thong Panties usa um dos padrões de renda da Klauber na cintura de algumas calcinhas de sua coleção. O mesmo acontece em um item da coleção Kylie + Kendall.

No processo, a empresa afirma que as irmãs estão lucrando em cima de uma criação deles e vendendo esses produtos em lojas físicas e virtuais sem permissão da marca, que detém os direitos autorais. A intenção da empresa é receber todos os lucros que as irmãs já tiveram com a venda das peças.

Não é a primeira vez que a família Kardashian enfrenta problemas com suas marcas de roupas íntimas. No ano passado, Kim Kardashian, 38, teve de mudar o nome de sua coleção, após ser acusada de apropriação cultural.

O termo kimono (quimono, em português), que significa “algo que se usa”, foi usado por Kim como um jogo de palavras com seu nome, mas foi rapidamente ligado à tradicional roupa japonesa.

O anúncio do nome causou uma tempestade nas redes sociais na semana passada, onde Kim foi acusada de apropriação cultural. No Twitter, a hastag #KimOhNo alcançou os trending topics. O prefeito de Kyoto, antiga capital imperial do Japão, Daisaku Kadokawa, chegou a pedir que reconsidere sua decisão.

Fonte: Folhapress.

Foto: Getty/Gabriel Olsen/FilmMagic.

Redação por Débora Almeida.

Eric Barbosa

Eric Barbosa

Mestrado em Saúde Sociedade e Endemias na Amazônia na área de concentração de Epidemiologia de Agravos e Prevalentes na Amazônia pelo Instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/FIOCRUZ), Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e Universidade Federal do Pará (UFPA) (2013). Tem experiência em pesquisa na área de Epidemiologia, Saúde Coletiva com ênfase em Saúde Pública, Avaliação de Serviço em Saúde e Saúde Baseada em Evidências, desenvolvendo estudos nos temas: Tuberculose, Resistência aos fármacos, Tuberculose Multirresistente, Coinfecção TB/HIV.

Entre em contato

Para nós do Portal Pontual, sua opinião vale muito!

Publicidade