quinta-feira, julho 18, 2024
HomeMundoPolítica | PT nega alianças com PSL, PSDB E DEM e contradiz...

Política | PT nega alianças com PSL, PSDB E DEM e contradiz sua assessoria.

Publicado em

Artigo Relacionado

Manauara Shopping é palco do Manauara Connection, evento de moda, arte e cultura

Na última semana, nos dias 21 e 22/09, aconteceu o Manauara Connection: Moda, Arte...

Manaus, 08 de fevereiro de 2020.

O PT divulgou, na madrugada deste sábado (8), nota em que contesta informação repassada por sua assessoria e descarta a qualquer possibilidade de aliança com PSDB e DEM nas eleições municipais deste ano.

Segundo relato da assessoria do partido a jornalistas, o comando petista autorizou, nesta sexta-feira (7), alianças com centrão, PSDB, DEM e até PSL em cidades onde PT ou seus aliados históricos encabecem a chapa.

Em sua primeira reunião de 2020, a Executiva Nacional do PT aprovou uma resolução listando PC do B, PSOL, PDT, PSB, Rede, PCO e UP como parceiros preferenciais.

“Nas situações em que o PT não encabeça a chapa e o candidato seja de um partido que não integre o espectro citado acima, somente serão permitidas alianças táticas e pontuais se autorizadas pelo diretório estadual, desde que candidato tenha compromisso expresso com a oposição a Bolsonaro e suas políticas”, afirma o texto.

Ainda segundo o texto, outra condição para o PT subir em palanque fora de sua parceria histórica é que o candidato “não tenha práticas de hostilidade ao PT e aos presidentes Lula e Dilma”.

Segundo o secretário de Comunicação do PT, Jilmar Tatto, a decisão do PT representava uma ampliação da política de alianças do partido. Ao falar sobre DEM e PSDB, petistas citam o exemplo de Minas Gerais, onde os dois partidos se aliam ao PT  em cidades do interior.

A resolução é produto de contribuições sobre um texto-base apresentado pela cúpula do partido. A versão original citava, expressamente, o PSL, o Novo e a Aliança para o Brasil como partidos com os quais o PT está proibido de fechar alianças. No documento final, seus nomes foram suprimido da lista de vetados.

Questionada sobre a supressão, a assessoria repetiu não estar descartada a aliança desde que respeitadas as condições impostas pelo partido.

Como o texto trazia uma dubiedade ao afirmar que “o PT Nacional decide que não ocorram alianças com os partidos que sustentam o projeto ultraneoliberal (DEM, PSDB) e veta qualquer aliança com aqueles que representam o extremismo de direita em nosso país”, a assessoria foi instada a esclarecer a diferença de tratamento.

De acordo com a assessoria do partido, a menção ao DEM e ao PSDB foi uma tentativa de explicitar que os dois partidos não integram a extrema-direita, admitindo-se a possibilidade de aliança.

Quatro horas após a publicação da informação em sites de noticias, a assessoria de imprensa do PT divulgou uma nota esclarecendo seu equívoco.

“A Comissão Executiva Nacional do PT, reunida no Rio ontem (7 de fevereiro), definiu que a politica de alianças do partido para as eleições municipais exclui os partidos que sustentam a política ultraneoliberal do governo Bolsonaro (DEM e PSDB) e veta composições com os partidos de extrema-direita. O PT definiu como centro estratégico eleitoral “a construção de alianças com PC do B, PSOL, PDT, PSB, Rede, PCO e UP.”, diz a nota.

E acrescenta: “Alianças com outros partidos podem ser feitas, onde o PT tenha candidatos a prefeito, desde que autorizadas pelo Diretório Estadual, mas não podem incluir os partidos ultraneoliberais e os de extrema-direita, diferentemente do que foi noticiado pela imprensa”.

Fonte: Folhapress.

Foto: Reprodução | Internet.

Redação por Débora Almeida.

Últimos Artigos

Ambientalistas saem em defesa do Igarapé do Goiabinha em Manaus.

O ato ocorreu neste dia 10 de julho por ocasião da 7a. Reunião da...

Projeto ‘Aqui Tem Jazz’ promove circuito gastronômico em Manaus durante período do Amazonas Green Jazz Festival

A organização do Amazonas Green Jazz Festival, edição 2024, estão com as inscrições abertas...

Com apoio do Governo do Amazonas, incubadora de empresas fortalece empreendedorismo de base tecnológica

No interior do Amazonas, especificamente no município de Itacoatiara (distante 176 quilômetros de Manaus),...

Casa das Artes: Exposições celebram a diversidade cultural e artística

Nesta sexta-feira (12/07), às 18h30, a Casa das Artes, localizada na rua José Clemente,...

Eric Lima

Criador do Portal Pontual

Mestrado em Saúde, Sociedade e Endemias na área de concentração de Epidemiologia de Agravos e Prevalentes na Amazônia pelo instituto Leônidas e Maria Deane (ILMD/FIOCRUZ), Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e Universidade Federal do Pará (UFPA - 2013). Tem experiência em pesquisa na área de Epidemiologia, Saúde Coletiva com ênfase em Saúde Pública, Avaliação de Serviço em Saúde e Saúde Baseada em Evidências, desenvolvendo estudos nos temas: Tuberculose, Resistência aos fármacos, Tuberculose Multirresistente, Coinfecção TB/HIV.

Mais artigos como este

Ambientalistas saem em defesa do Igarapé do Goiabinha em Manaus.

O ato ocorreu neste dia 10 de julho por ocasião da 7a. Reunião da...

Projeto ‘Aqui Tem Jazz’ promove circuito gastronômico em Manaus durante período do Amazonas Green Jazz Festival

A organização do Amazonas Green Jazz Festival, edição 2024, estão com as inscrições abertas...

Com apoio do Governo do Amazonas, incubadora de empresas fortalece empreendedorismo de base tecnológica

No interior do Amazonas, especificamente no município de Itacoatiara (distante 176 quilômetros de Manaus),...